CasaNoCanada.com

Dicas: alugar, comprar ou vender

Aumento no seguro de hipotecas

house for saleA partir de 1 de Maio de 2014 o CMHC (Canada Mortgage and Housing Corporation) estará aumentando o valor do seguro de mortage (hipotecas).

Aqui no Canadá, quem tem menos de 20% do valor de compra do imóvel para dar de entrada (downpayment), é obrigado a pagar um seguro sobre o valor da hipoteca, para garantir que os que estão emprestando o dinheiro (bancos, cooperativas, bancos privados, etc) estarão protegidos se o comprador não pagar a hipoteca.

Estes bancos costumam cobrar o valor do seguro de quem está comprando um imóvel. Este valor pode ser pago numa vez só ou, como a maioria faz, ser adicionado ao valor da hipoteca (mortgage).

A mudança só será aplicável aos empréstimos hipotecários contraídos após 1 de Maio de 2014 e não afetará quem já tiver um financiamento assegurado pelo CMHC.

Antes deste anúncio, o valor do seguro da hipoteca ficava entre 0.5% e 2.75%. Sob a nova regra, eles ficarão entre 0.6 % e 3.15%.

Os mais afetados são os que irão comprar seu primeiro imóvel aqui no Canadá e eu creio que em especial os imigrantes que não tem condições de dar uma entrada (downpayment) de pelo menos 20%.

Por enquanto somente o CMHC fará este aumento mas resta saber se as outras duas grandes seguradoras de mortgages (hipoteca) do Canadá, o Canada Guaranty e Genworth seguirão o exemplo do CMHC.

Sob o sistema antigo, o mutuário que pegava um empréstimo de CN$ 250,000, pagava um premio de seguro no total de CN$ 6,875.  Após o aumento em 1 de Maio, num empréstimo do mesmo valor, numa hipoteca de 25 anos a 3.5%, o premio do seguro será de CN$ 1,000 a mais. O comprador de um imóvel que não tiver os 20% para dar de entrada, terá que adicionar cerca de CN$ 5 por mês ao seu pagamento mensal da hipoteca.

De acordo com a CMHC, este aumento não afetará drasticamente o mercado de imóveis, mas na realidade, este aumento tornará mais caro comprar um imóvel.

março 1, 2014 Posted by | Compra de Imóveis, Imóveis no Canada, Real Estate | , , , , , | Deixe um comentário

O que é o “CMHC Loan Insurance”?

CMHC = Canadian Mortgage and Housing Corporation tem sido a agencia nacional de Habitação do Canadá (tipo o BNH do Brasil) há mais de 60 anos. Esta agencia tem o objetivo de ajudar aos que moram neste país a comprar sua casa própria (imóvel) e seu sistema é considerado o melhor no mundo pois tem vários programas criados para suprir todas as necessidades.

CMHC Loan Insurance é um seguro criado para cobrir os riscos que o banco tem ao emprestar dinheiro para um comprador que dá menos de 25% de entrada na compra da casa própria, o que é considerado emprestimo de “alto risco”. Esse seguro cobriria as perdas que o banco poderia ter se o cliente não pagasse as prestações do Mortgage.

É ruim ter que pagar este “premium” mensal mas pelo menos possibilita que os “First Time Home Buyers”, ou seja, os que compram sua primeira casa no Canadá, dêem apenas 5% de entrada e ainda assim consigam financiamento a juros baixos, a mesma taxa de juros concedidos aos que dão muito mais de entrada e que não representam risco para o banco. O valor do “premium” varia e pode ficar entre 0.65% a 2.75% dependendo do percentual do valor do imovel que for financiado (mortgage loan).

Para não precisar pagar este seguro, o comprador tem que dar de entrada (downpayment) no minimo 25% do valor de compra do imóvel.

março 16, 2009 Posted by | Compra de Imóveis, Imóveis no Canada, Real Estate | , , , , | Deixe um comentário

Reportagem da CBC sobre Mortgage Insurance

Um cliente me perguntou se eu já havia lido a reportagem da CBC sobre Mortgage Insurance e minha resposta foi sim pois eu já havia lido sobre ela no blog do “Vou para o Canada” do Gean. 

Como não é minha especialidade, procurei um agente de seguros licenciado (http://www.wagnerdasilva.com/) para comentar este artigo. Abaixo a resposta dele:

Eles estão certos ao dizer que uma apólice de seguros pode ser anulada. 

Nos primeiros dois anos, após a apolice ter sido emitida, ela poderá ser contestada e anulada se qualquer erro ou omissão for descoberto.

Após estes 2 anos, a companhia ainda poderá cancelar a apólice se descobrir que o segurado omitiu alguma informação considerada importante na hora de comprar o seguro, sobre o seu estado de saúde por exemplo, porque este ato é considerado como ato fraudulento e portanto um ato criminal. Um dos piores erros é omitir que é ou foi fumante!

Na reportagem falam que muitos agentes de banco que vendem seguro não estão treinados, e eles podem ter razão. Pode acontecer que o funcionário que te atende e vende o seguro num banco, por exemplo, pode não ser licenciado. Ele inicialmente vende o seguro como um produto apenas pois pode nem ter conhecimento para esclarecer todos estes “perigos” (mas ele deve ter a supervisão de um agente licenciado).

Por isso recomendo não comprar seguro desta forma e sim, quando necessitar comprar um seguro, procurar um agente licenciado, portanto treinado para entender suas necessidades e para alertá-lo sobre as consequencias de atos fraudulentos (às vezes até sem intenção) que poderão lhe causar prejuízos e aconselhá-lo sobre o que fazer.

Todos as informações necessárias para entender como funciona o seguro (o que pode e o que não pode acontecer) estão escritos na apólice porém, como a grande maioria das pessoas não lêem o que assinam, acontece estas verdadeiras “tragédias” na vida das pessoas que é ter um seguro cancelado na hora da necessidade.

Como em qualquer área, a busca do suporte de um bom profissional é muito importante. Porém, um agente de seguros deve ser alguem muito bem escolhido pois você terá com ele um relacionamento de confiança por um longo prazo pois ele deverá acompanhar todas as mudanças que houver em sua vida e auxiliá-lo na busca da cobertura correta para estas diferentes situações e épocas.”

Obrigada Wagner pela contribuição!

fevereiro 15, 2008 Posted by | Real Estate | , , , | 2 Comentários